Com o principal objetivo de alinhar as atividades e criar um planejamento estratégico conjunto para 2016, foi realizada a primeira reunião dos coordenadores do projeto Jovens Lideranças Contábeis dos estados do Nordeste, que aconteceu no dia 2 de outubro, em Recife (PE), durante o 12º Encontro Nordestino de Contabilidade (Enecon).

“Essa reunião foi de grande importância para alinharmos ações, discutirmos projetos futuros e fortalecermos as jovens lideranças contábeis do Nordeste. A formação de novos líderes é garantia de base sólida para uma profissão que vem passando por grandes transformações. No Piauí, teremos várias ações e muitas novidades ainda este ano”, afirmou Elias Caddah, coordenador da comissão estadual do Piauí e presidente do Conselho Regional de Contabilidade do Piauí (CRCPI).

Além de Elias Caddah, participaram os representantes do Ceará, Lucas Gurgel; de Alagoas, Adriana Andrade; da Bahia, Iara Dórea; e o integrante da comissão do Piauí, Rafael Costa, além da coordenadora regional na Comissão Nacional, Jéssica Oliveira, que também representou Sergipe.

A reunião teve início com a apresentação dos membros das Comissões Estaduais e breve explanação das ações desenvolvidas em cada estado. Os coordenadores falaram sobre as ações desenvolvidas, as dificuldades encontradas e os resultados alcançados.

Ainda, foram traçadas algumas metas para 2015 e para o ano de 2016, que visam trazer maiores resultados para as comissões estaduais.

“A reunião realizada durante o 12º Enecon foi muito boa. Por meio desse encontro, conseguimos trocar diversas experiências e agregarmos mais valores às nossas comissões do Nordeste. Temos muito a fazer e essa união das comissões trarão bons frutos e novos líderes nacionais”, ressaltou Lucas Gurgel.

Segundo os participantes, durante a reunião foi tratado também sobre a importância da união das comissões estaduais, “para que o trabalho desenvolvido em todas as partes do Nordeste apresente sempre bons resultados, e os serviços sejam de qualidade, para que os estudantes e jovens profissionais confiem sempre mais no trabalho sério que essas comissões vêm desenvolvendo ao longo dos anos”.

Para Adriana Andrade, a reunião foi muito produtiva. “A troca de experiências e o compartilhamento de ações são importantíssimos. Foi um prazer reencontrá-los e conhecer os que chegaram”, afirmou a coordenadora de comissão de Alagoas.

Já Iara Dórea destacou que foi ótimo realizar a reunião com a coordenadora do Nordeste na Comissão Nacional. “Muitas ações foram compartilhadas, assim como novas ideias; experiências de sucesso”, destacou e coordenadora da comissão estadual da Bahia.

“Sem dúvida, este é um grande passo para a comissão, pois quando estamos unidos, permanecemos mais fortes e podemos contribuir ainda mais com a nossa classe, e todos saem ganhando”, disse Jéssica Oliveira. Ela afirmou ainda que acredita nos líderes que estão à frente as comissões estaduais, “pois já deram provas suficientes de sua competência no desenvolvimento de sua comissão”.

I Encontro de Jovens Lideranças Contábeis do Nordeste

Uma iniciativa que  partiu  dos presidentes dos Conselhos Regionais do Nordeste, organizadores do 12º Enecon, incluiu no segundo dia do encontro um fórum específico para que as jovens lideranças da profissão pudessem debater as oportunidades da profissão contábil.

Durante a programação, o presidente do Conselho Federal de Contabilidade, José Martonio Alves Coelho, falou aos participantes sobre a importância do movimento para o desenvolvimento da profissão contábil. “Os desafios da profissão contábil exigem cada vez mais preparo técnico e de profissionais capacitados para enfrentá-los. Eu sou muito confiante nesta base que está sendo criada com o futuro da profissão contábil”, explica o presidente.

Na oportunidade, a presidente da Academia Brasileira de Ciências Contábeis (Abracicon), Maria Clara Cavalcante Bugarim, deu um breve depoimento sobre os desafios e sonhos alcançados por ela durante sua trajetória profissional.

Maria Clara entusiasmou os estudantes com sua história de vida, sobretudo ao falar das conquistas alcançadas como profissional de contabilidade. “Tudo que consegui foi fruto de muita determinação, foco, trabalho e amor à profissão. Nós estamos em constante aprendizado e, às vezes, me sinto como se fosse estudante”, revelou Maria Clara.

Na ocasião, o conselheiro do CFC Joaquim Bezerra Filho declarou aos presentes que a presidente da Abracicon é fonte inspiradora do projeto Jovens Lideranças Contábeis, pois foi na gestão dela, quando presidente do CFC (2006 a 2009), que o projeto foi criado.

“A presidente Maria Clara é um exemplo de profissional e fonte de inspiração para muitos jovens, inclusive para mim que tive a oportunidade de conhecê-la ainda como estudante e, hoje, como conselheiro federal, compartilhando lado a lado a missão gratificante de trabalhar para o desenvolvimento da profissão contábil. Sinto-me honrado em comandar este projeto que tem a sensibilidade e a crença dos últimos presidentes que passaram pelo sistema: Maria Clara, Juarez Carneiro e, agora, sob o comando do presidente José Martonio. Em breve, seremos um milhão de profissionais e teremos uma classe mais preparada para enfrentar os desafios”, destacou Joaquim Bezerra Filho.

Jovens lideranças_2

Ao final da palestra, o presidente do CRCPI e coordenador da comissão estadual de Jovens Lideranças Contábeis do Piauí, Elias Caddah, e o presidente do CRCPB, Glaydson Farias, entregaram certificados à presidente da Abracicon, Maria Clara Bugarim, e ao coordenador da Comissão Nacional de Jovens Lideranças,  Joaquim  Bezerra Filho.